Educação em Pauta

terça-feira, dezembro 13, 2005

Matéria: Unicef declara acesso à educação é menor para meninas

A instituição diz que, dos 115 milhões de crianças sem educação primária, 90 milhões são garotas. Os números mostram que a ONU não conseguir alcançar sua meta de eliminar até 2005 a disparidade entre os sexos no tocante ao acesso a educação. Os motivos apontados pelo fracasso são estereótipos sexuais, HIV/Aids e conflitos armados. Muitas meninas são impedidas de ir à escola porque tradições culturais definem o lugar das mulheres como sendo a casa. Além disso, em muitos países existe a pressão para que elas casem muito cedo, em alguns lugares com até 10 anos de idade. O relatório afirma que 46 países não vão alcançar a meta de oferecer igualdade educacional para meninos e meninas.
A situação na América Latina não é ruim. Além de não apresentar uma disparidade entre os sexos, a Unicef afirma que progressos dos últimos 15 anos deram para a região boas chances de oferecer acesso à educação primária a todas as crianças a partir do ano de 2015.

Fonte: Portal BBC Brasil